domingo, 1 de julho de 2012

Na verdade sinto que tenho 3 terras...

... e por engraçado que pareça nenhuma delas é aquela onde nasci...
   Tenho a terra onde fui criada, de onde só saí aos 26 anos e onde ainda vivem os meus pais, a minha querida Damaia.
   Agora tenho a terra onde vivo e onde criamos a nossa princesa e construimos, dia a dia, a nossa felicidade, Abóboda (freguesia de S. Domingos de Rana).

   Por fim tenho a terra da minha mãe, a adorada Lapa (freguesia de Quintela, concelho de Sernancelhe). Terra Santa, abençoada, de fé, onde me sinto mais ligada à Mãe Terra e onde a presença da Mãe do Céu é mais sentida. 
   Em cada uma criei raizes, por diferentes razões e por isso as três me enchem o coração mas o que também as faz especiais são as suas gentes pois as memórias constroem-se não só de paisagens mas também do que "levamos" de cada lugar por onde passamos e de cada pessoa com quem nos cruzamos...
   Estas serão as principais mas ao longo da vida, graças a Deus, tenho tido a opurtunidade de conhecer outras tantas que deixam a sementinha no coração e pensar nisso faz-me feliz...
  
   Querem-me dizer algo sobre a vossa terra? Gostava muito de o ler.

   Bjnhs e bem haja a quem me segue e visita.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...