sexta-feira, 22 de março de 2019

Desculpem a vaidade...

   Já esta semana aqui falei dos Professores com quem criamos uma relação... 
  De certa forma tenho pena que no sistema público e com tantos que passam pelas vidas dos nossos filhos a partir do 5º ano de escolaridade, náo se consiga pelo menos conhecê-los.
   Dito isto, organizamo-nos de forma a ir todos os dias levar a filhota à Escola (nesta altura já por vontade dela mas ainda assim deixando-a do outro lado da rua, pois mais próximo da entrada que isso a adolescente não quer) e como sou a representante dos pais no conselho de turma e tenho a felicidade de facilmente memorizar rostos, calha algumas vezes cruzar com professoras da nossa Princesa que reconheço.
   Foi assim que ontem de manhã, quando de volta ao carro, tivemos a felicidade de encontrar a Professora de Inglês e o que nos fez felizes foi o dar-nos os Parabéns pela filha que temos. Elogiou-a pela maneira de ser e estar dela, de nunca se recusar a nada do que lhe pedem, de fazer tudo com alegria, mas também pela sua humildade. E isto porque além de boa aluna ela na Terça tinha ido recitar "All the world's a stage" in As You Like It, Act II, Scene VII, Shakespeare, à sala de Professores e segundo a mesma, os colegas apesar de mal perceberem o inglês arcaico, a nossa Princesa recitou tão bem que os fez ficar de lágrimas nos olhos.
   Já não é a primeira vez que isto me acontece, pois no 5º ano também a Professora de Português ao ver-nos sair do carro, também me veio dar os Parabéns.
   O que sentimos com isto e que também a Professora hoje disse é que é uma Benção a filhinha que temos. Deus Pai deu-nos um ser humano maravilhoso. Há algum tempo atrás alguém noz dizia que tínhamos que ter cuidado para que não se tornasse vaidosa, mas quem corre esse risco somos nós pais e avós, porque inclusive, voltando à situação atrás, a Professora disse-nos também que até comentou com ela que tinha feito como a cantora Marisa, apesar de não entenderem o que dizia, conseguiu comover quem a ouviu. E a nossa filhota o que nos tinha dito? "Correu bem, os Professores gostaram e o Director da Escola até me deu um beijinho."

   Bem por tudo isto, não me resisti e eis o que publiquei no meu Instagram pessoal...



quinta-feira, 21 de março de 2019

Quarta-feira 20 de Março 21.58h

   
   Data da chegada da Primavera este ano.
   É a minha Estação do Ano favorita ora não tivesse ela tanto do que gosto... 
   Nesta altura sinto vontade de renovação e os dias maiores dão-me mais energia para fazer mais e, desejo, melhor.
   Que seja esta também, para todos vós que me estão a ler, tempo de inspiração para procurar e agradecer, as maravilhas que nos esperam (pessoais, naturais e humanas) se soubermos olhar com olhos de ver.

terça-feira, 19 de março de 2019

Dia do Pai há 5 anos atrás e hoje...

   
   Um dia hei-de aqui vir falar melhor, da boa relação que Graças a Deus ainda hoje tenho com 2 dos Professores da Primária da nossa Princesa, mas o que quero é recordar algo de há cerca de 5 anos atrás.
   Ora por essa altura a filhota estava no 3º ano da escola e como já tinha tido oportunidade de dar a conhecer à sua Professora Mª Inês alguns dos trabalhinhos que fazia, ela fez-me o desafio de ir à Escola fazer com as crianças da Turma, a recordação para o Dia do Pai. 


   Foi assim que tive a ideia de fazer o pequeno íman que se vê na foto acima.
   Desenhei o molde na espuma EVA, e na Escola cada criança recortou, colou a sua respectiva foto e juntou as demais pécinhas para fazer um miminho igual a este para o seu pai.
   Realmente, não sei se será assim para toda a gente, mas para mim a vantagem da Escola nesta idade ser só com um Professor/a, é que consegui criar uma relação mais próxima com quem fez também parte importante da educação da nossa menina.

   E porque é que hoje me lembrei de aqui vir mostrar esta recordação?
   Porque fiz mais camisas :D, muitas mais camisas...


   Desta vez em papel e em forma de postal. Como foram para as crianças do meu 1º ano de Catequese (fizeram por dentro um desenho para o seu pai), lembramos que este dia é o Dia do Pai por ser o de S. José, o tão querido pai do coração de Jesus.

   E quem por aqui passa, querem partilhar o que fizeram os seus filhotes neste tão bonito dia?

Beijinhos 

segunda-feira, 18 de março de 2019

A Toca no Instagram @coelhinhoseternuras

   Uma das vantagens de ter um novo gadget, é que tenho agora mais facilidade de em qualquer lugar que esteja e em qualquer bocadinho de tempo que arranje, conseguir vir aqui escrever e ou publicar no Instagram. Assim decidi, finalmente, colocar nessa rede social também tudo o que já fiz há algum tempo, de modo a recordar e mostrar a novas pessoas, que entretanto tive o gosto de conhecer.
   Quem quiser ir seguir nem que seja por simples curiosidade, basta clicar na imagem estelizada do ícone da rede, na coluna do lado direito do écran.

Abreijos 

sexta-feira, 8 de março de 2019

Um poema em mais um Dia Internacional da Mulher

  
  Todos os anos, para mim e para mais algumas mulheres que conheço, junto com outras a caminho de o serem, este não é apenas mais um Dia Internacional da Mulher. Este é também o dia em que a sua mãe, minha avó e bisavó das mais novinhas, completaria mais um aniversário.
   Mulher devota que sei que era, concerteza que iria apreciar as seguintes palavras que aqui deixo, do tão querido Papa S. João Paulo II.


«Obrigado a ti, “mulher-mãe”, que te fazes ventre do ser humano na alegria e no sofrimento de uma experiência única, que te torna o sorriso de Deus pela criatura que é dada à luz, que te faz guia dos seus primeiros passos, amparo do seu crescimento, ponto de referência por todo o caminho da vida.

Obrigado a ti, “mulher-esposa”, que unes irrevogavelmente o teu destino ao de um homem, numa relação de recíproco dom, ao serviço da comunhão e da vida.

Obrigado a ti, “mulher-filha” e “mulher-irmã”, que levas ao núcleo familiar, e depois à inteira vida social, as riquezas da tua sensibilidade, da tua intuição, da tua generosidade e da tua constância.

Obrigado a ti, “mulher-trabalhadora”, empenhada em todos os âmbitos da vida social, económica, cultural, artística, política, pela contribuição indispensável que dás à elaboração de uma cultura capaz de conjugar razão e sentimento, a uma conceção da vida sempre aberta ao sentido do “mistério”, à edificação de estruturas económicas e políticas mais ricas de humanidade.

Obrigado a ti, “mulher-consagrada”, que, a exemplo da maior de todas as mulheres, a Mãe de Cristo, Verbo Encarnado, te abres com docilidade e fidelidade ao amor de Deus, ajudando a Igreja e a humanidade inteira a viver para com Deus uma resposta “esponsal”, que exprime maravilhosamente a comunhão que Ele quer estabelecer com a sua criatura.

Obrigado a ti, “mulher”, pelo simples facto de seres “mulher”! Com a perceção que é própria da tua feminilidade, enriqueces a compreensão do mundo e contribuis para a verdade plena das relações humanas.»
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...