domingo, 28 de abril de 2013

Quando os livros nos encontram...

   Eu adoro ir a lugares onde haja livros à venda. Muitas vezes vou simplesmente por ir, para ver o que há, mas sem intenção alguma de comprar, só que, não sei se já alguma vez vos aconteceu, de repente, aparece um livro que não sabia que queria mas que naquele momento sinto que tenho que o ter.
   A última vez que isso me aconteceu, foi de uma forma muito simples e desta vez nem foi para mim que principalmente comprei o livro.
   Tudo começou quando a nossa princesa disse que a sua professora tinha pedido aos meninos que levassem para a escola um livro que tivessem de contos tradicionais. Graças a Deus não lhe falta por onde escolher e já tínhamos decidido por um que tem vários. Entretanto fui a uma grande livraria e como em breve vamos testemunhar a primeira comunhão do filho de uns amigos, fui à secção dos livros infantis, procurar algo que pudesse oferecer como lembrança da especial ocasião. Encontrei o que queria e quando já vinha de saída, eis que olho para uma prateleira e vejo o seguinte livro
.
   É claro que tive logo que o abrir para ler algo dele, e mesmo assim foi mais apenas porque há algum tempo, a marca do café que bebo, tinha nos seus pacotes de açúcar, a explicação de muitas das expressões (provérbios) que usamos e então foi para ver se não sabia já a maior parte dos que poderiam estar no livro, mas felizmente não sabia e logo pensei que seria um livro bem mais interessante para a nossa menina levar para a escola....
   Ela adorou e já leu umas quantas histórias e foi muito alegre que veio ter comigo e disse:
- Olha mãe, tem aqui aquilo que tu dizes "A pensar morreu um burro...".
   O mais engraçado é que eu dizia aquilo pensando numa origem, para a expressão, bem diferente da verdadeira.

Até breve
 

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...